0

Sinais de infecção pela bactéria Helicobacter pylori – muita gente tem sem saber

Boa parte da população mundial está infectada por uma bactéria chamada Helicobacter pylori (ou simplesmente H. pylori). A bactéria H. Pylori cresce no estômago e no trato digestivo. E sabe onde se esconde?

No muco, onde as células do sistema imunológico não podem alcançá-la. Para proliferar, as bactérias usam as enzimas e os nutrientes do corpo. Nem precisamos dizer que isso causam danos à saúde, não é mesmo?

As células e mitocôndrias ficam fragilizadas, nos levando à fadiga crônica e inflamação. A H. pylori foi classificada como carcinógeno, ou seja, um agente causador de câncer em humanos pela Agência Internacional de Pesquisa sobre Câncer. A presença desse intruso em nosso organismo não costuma apresentar sintomas.

No entanto, os sintomas mais comuns são: Diarreia. Refluxo ácido. Náusea. Fezes escuras. Anemia. Desnutrição que leva a deficiências. Lesão celular e inflamação. Fadiga. Arroto e flatulência frequentes. Gás e inchaço. Dor abdominal. Úlceras estomacais ou pépticas. Gastrite. Mau hálito. Falta de ar. Problemas na pele, como acne rosácea.

Caso você sinta algum desses sinais, procure um médico. O tratamento convencional é feito por meio de antibióticos. Na maioria das vezes, o paciente precisa consumir o remédio prescrito pelo médico por duas ou mais semanas. Se não der certo, o médico receita um medicamento mais forte.

Infelizmente, a ciência afirme que 20% dos pacientes terão infecções recorrentes, apesar dos antibióticos. Se você optar por uma alternativa natural, sem qualquer efeito colateral, faça o seguinte:

1. Limpeza gastrointestinal: É muito importante começar com uma limpeza gastrointestinal para limpar o trato, uma vez que o H. pylori se esconde e fica “protegido” pelo muco. Uma limpeza gastrointestinal significa consumir remédios desintoxicantes, como chás e sucos naturais, que são extremamente eficazes para limpar o aparelho digestivo.

2. Vermífugos naturais: É preciso verificar se há, no tubo digestivo, a presença de vermes e parasitas. É quase certo que haja. Então será preciso eliminá-los. Procure na nossa pesquisa (acima, onde há palavra pesquisar) por “vermes”.

3. Antibióticos naturais: Além de fazer uma limpeza gastrointestinal e parasitária, você deve investir em qualquer um dos remédios naturais abaixo:

Remédios naturais para H. Pylori

1. Couve/ repolho: O suco de couve ou repolho frescos são um excelente remédio para este problema.

2. Cúrcuma (açafrão-da terra): A ação benéfica da cúrcuma no estômago pode ser explicada pelo fato de ela estimular a produção de sucos gástricos, o que vai ajudar a mucosa estomacal, inibindo assim a ação da Helicobacter pylori. Os estudiosos recomendam o consumo desta especiaria diariamente, mas de forma moderada.

3. Própolis verde: Este tratamento é excelente. Basta colocar 20 gotas de própolis verde (sem álcool) em 200mL de água. Tome duas vezes por dia, a primeira delas em jejum. Faça isso por 30 dias.

4. Chá verde: Estudos têm mostrado que o chá verde produz uma redução significativa da H. pylori nas pessoas que o consomem diariamente. As pesquisas dizem que essa ação é porque ele contém níveis elevados de polifenóis que inibem a H. pylori.

Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.

admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *