0

Mãe faz desabafo comovente sobre o filho que nasceu menino e virou menina aos 3 anos

Uma mulher fez um desabafo emocionado e contou como o filho que nasceu menino, aos três anos de idade, acabou se tornando uma menina. A postagem foi realizada pelo portal Café Mom de maneira anônima. No entanto, a mãe relatou com detalhes a transição de sua criança.

De acordo com o relato da mãe, ela imaginava que havia dado à luz a um menino, porém, medida que o tempo passava, a criança dava indícios do contrário. “Meu ginecologista pensou que eu havia dado à luz um menino. Minha criança nasceu com um pênis, então faz sentido. Porém, após três anos e meio eu descobri que na verdade eu havia dado à luz uma menina. Uma menina com um pênis”, desabafou a mãe.

O filho sempre perguntava se podia amarrar o cabelo e enfeitar com uma tiara, ou até mesmo se poderia usar vestido. A mulher contou que em uma certa ocasião, o garotinho perguntou se poderia deixar o cabelo crescer para ficar igual ao da princesa Elsa (personagem famosa do filme Frosen).

A mãe disse que escutava do filho coisas que não se espera de uma criança de três anos. Ainda de acordo com o relato, ela e o marido não tinham o hábito de falar aos filhos coisas que não deviam fazer por causa do gênero. No início, ela imaginava que o pequeno estava tentando testar os limites. “Eu pensei que ele amava tanto eu e sua irmã mais velha que queria ser como nós”, desabafou a mãe.

Aos dois anos a criança já apresentava indícios que se sentia como uma menina. No entanto, aos três anos de idade, os sinais ficaram mais claros. Foi quando o pequeno começou a dizer que queria ser uma garota. A mãe conta que dizia que ele poderia ser o quisesse. Foi quando insistiu tanto que era uma menina que a família não pode mais negar os fatos.

A mulher conta que levou o filho para fazer compras, ele comprou um vestido e uma camisola que usava somente dentro de casa. Após quatro meses, a mãe levou o garoto ao shopping e trocou todo seu guarda-roupa.

Temendo críticas dos amigos e familiares, ela decidiu fazer uma postagem na rede social informando sobre a transição do filho. Ela contou que a maioria das mensagens foram positivas, mas nem todos pensam da mesma maneira.

A mãe disse que a transição tem sido bem difícil, principalmente por saber que o filho vai enfrentar o preconceito.

admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *