0

‘Fui vítima de violência psicológica, verbal e sexual’, desabafa atriz global

Em uma carta aberta publicada pela revista Claudia, a atriz Julia Konrad realizou um longo desabafo sobre uma antiga relação, onde, segundo ela, teria sido estuprada por seu ex-companheiro. Konrad afirmou que somente após o término da relação teria percebido que teria sofrido estupro conjugal, que ocorre quando uma pessoa é violentada dentro do casamento.

A atriz afirmou que não teria sido fácil se reconhecer como uma vítima de violência doméstica em uma relação em que sofria abusos psicológicos, verbais e sexuais. Julia ressaltou que a superação de um trauma desse tipo levaria anos, e agradeceu à todas as pessoas que a ajudaram nesse processo ao longo dos anos.

Julia Konrad detalhou como teria sido o início da relação com o ex-companheiro, e que o fato de estar completamente apaixonada não teria percebido sequer a primeira agressão. A atriz revelou que em uma das primeiras relações com o ex, teria sido surpreendida com a agressividade no momento da relação íntima. Konrad disse que este teria sido apenas o primeiro de vários episódios de abuso.

“A sociedade patriarcal nos ensina a normalizá-los, chamá-los de outros nomes, pois dessa forma fica mais difícil de identificar. Um desses nomes é ‘dever’”, desabafou Julia. A atriz ainda ressaltou que todas as vezes em que se negava a manter relações íntimas, o ex-companheiro falava sobre o “dever da mulher”.

Em seu perfil no Instagram, Julia afirmou que seu único objetivo com o desabafo era fazer um alerta às mulheres que passavam pela mesma situação, e chamou a atenção para os níveis alarmantes de violência doméstica em meio ao isolamento social. O último papel de Konrad na TV foi na trama O Sétimo Guardião, exibido pela Globo.

Matéria Bônus: 10 alimentos que vão limpar suas artérias e evitar infarto. Assista o vídeo:

admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *