0

Esse menino de apenas 3 anos quase perdeu os dedos dos pés brincando na praia. Agora, sua mãe adverte sobre o perigo escondido na areia

Quem não gosta de ir à praia, não é mesmo? Nadar no mar e brincar na areia costumam ser passa-tempos realmente prazerosos e divertidos. No entanto, para os pais de um menino de apenas 3 anos chamado Jacob, esse maravilhoso momento de diversão se tornou um verdadeiro pesadelo.

Tudo começou quando Jacob e sua família estavam em uma praia nas redondezas de Roskilde, na Dinamarca. Tudo parecia bem, até que ele correu pela areia e um grande susto tomou conta da vida dele e de sua mãe, Katja Kafling.

Assim que correu, o menino acabou pisando em um pedaço de carvão ainda em brasas que estava escondido por baixo da areia. Provavelmente, na noite passada havia acontecido um incêndio por ali, e as pessoas que passaram pelo local decidiram apagar o fogo usando a areia da praia.

Os pés do menino ficaram com queimaduras muito grandes e, durante um ano, ele precisou fazer visitas ao hospital e passar por procedimentos muito dolorosos. Jacob gritava de dor todas as vezes e corria o risco de perder os dedos do pé.

Felizmente, os médicos foram capazes de salvar os dedos de Jacob, mas sua recuperação não foi nada fácil. Entre procedimentos cirúrgicos e processos de reabilitação, o menino precisou ser forte, principalmente durante um procedimento que fez um enxerto em seus pés utilizando parte do tecido de sua coxa.

Hoje, quatro anos se passaram, mas ainda é dificil para a mãe superar o ocorrido. Apesar das cicatrizes, Jacob se recuperou completamente de seus ferimentos e pode viver como uma criança normal.

Enquanto isso, a mãe faz uma alerta a todos os pais e pede para que eles fiquem atentos ao local em que seus filhos estão pisando, pois nunca se sabe o que irão encontrar pelo caminho. Além disso, ela pede para que as pessoas que presenciam um incêndio apaguem o fogo com a água e não com a areia.

admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *