0

Assassino do ator Rafael Miguel está circulando pelo país com identidade falsa; foto é vazada na internet

Informações divulgadas pela Polícia Civil apontam que o empresário Paulo Cupertino Matias, acusado de matar o ator Rafael Miguel e seus pais, está circulando pelo país com o uso de documentos falsos. Ele conseguiu emitir de maneira irregular uma identidade com os dados pessoais adulterados em uma cidade no interior do estado do Paraná.

O empresário é foragido da Justiça desde junho de 2019. Na época, promoveu o assassinato do jovem ator Rafael Miguel e de seus pais por não aceitar o relacionamento com a sua filha, Isabela Tibcherani Matias. A jovem e sua mãe presenciaram o crime diante dos seus olhos.

Em julho deste ano (2020), Paulo Cupertino entrou na lista dos criminosos mais procurados do estado de São Paulo. Investigações conduzidas pela Polícia Civil do Paraná apontam que ele conseguiu emitir uma identidade falsa na cidade de Jataizinho.

As suspeitas da polícia são de que o empresário tenha apresentado outros documentos falsos para um funcionário público da cidade a fim de conseguir emitir a identidade falsa. Em depoimento, o servidor disse que não se lembra da emissão deste documento, e que não conhecia o caso.

Enquanto circula com documentos falsos, Paulo Cupertino Matias segue sendo procurado pelas autoridades. A polícia civil solicitou ao Instituto de Identificação do Paraná a documentação apresentada pelo empresário para a emissão dos documentos falsos. A morte do ator Rafael Miguel, que havia prestado trabalhos para o SBT, causou enorme comoção em todo o país diante da futilidade com a qual o assassinato foi promovido.

admin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *